Escolha uma Página

Cursos Pré-Congresso


Inscrições à parte / Vagas Limitadas

Quarta-feira, 1 de agosto

Curso de Oncologia Pediátrica
Encontro de Gerenciadores

O objetivo do encontro é oferecer uma maior familiaridade aos gerenciadores de dados brasileiros, no processo de inserção dos dados no banco do CIBMTR e atender as dúvidas de maior complexidade e frequência, favorecendo uma melhor acurácia das informações geradas. O conteúdo do curso será definido pelo CIBMTR e sugestões dos futuros participantes do encontro que respondeu a pesquisa enviada via e-mail.

GVHD
Multidisciplinar: O Cateter Venoso Central e transplante de células-tronco hematopoiéticas

Curso Pré Congresso

O Cateter Venoso Central e transplante de células-tronco hematopoiéticas nas Dimensões do Cuidar

Enfª Gabriela Oliveira Santana1
Enfª Graciela Machado Piereck de Sá2
Enfª Maria Fernanda Vasques Esteves 3

Objetivo
Promover atualização para os enfermeiros no processo de cuidar do cateter venoso central no transplante de células-tronco hematopoiéticas.

Justificativa
A terapia intravenosa no transplante de células-tronco hematopoiéticas é um processo complexo, onde o enfermeiro participa de ações assistenciais e de cuidado, tais como: a escolha, instalação e a manutenção do acesso venoso. O cateter venoso central tem despontado como uma tecnologia de cuidado a pessoa com agravos a saúde e requer uma via segura para a administração de fluidos endovenosos. Para legitimar tal prática, é necessário que o enfermeiro esteja atualizado. Neste sentido, o presente curso vem preencher esta necessidade e esta lacuna na inesgotável rede de conhecimento.

Manhã

  • Apresentação e aplicação de pré-teste
  • Introdução à terapia infusional (histórico e revisão de anatomia)
  • Propriedades das soluções (interações e incompatibilidade)
  • Considerações sobre os cateteres (tipos, vantagens e desvantagens)
  • Implantação dos cateteres (Diferenças entre o SI e o PICC)


Tarde

  • Cuidados no manejo dos dispositivos centrais (curativos, manipulação, manutenção)
  • Novas tecnologias no uso de cateteres (materiais biocompatíveis, conectores de pressão positiva, protetores de pele, fixação, punção guiada por ultrassom)
  • Aspectos legais na implantação do PICC
  • Autonomia da Enfermeira na terapia infusional
  • Complicações decorrentes do uso de cateteres
  • Avaliação de conhecimentos apreendidos e encerramento

 

1– Doutoranda em Enfermagem pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, EEAN/UFRJ. Especialista em Enfermagem Oncológica e Pediátrica. Enfermeira do Ambulatório de Cateter Pediátrico do Instituto Nacional de Câncer. Presidente da Comissão de Terapia Venosa do Instituto Nacional de Câncer.

2 – Mestre em Enfermagem pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, EEAN/UFRJ. Supervisora do Hospital Dia CEMO/INCA. Membro da comissão de Terapia Venosa do Instituto Nacional de Câncer.

3 – Mestre em Ciências da Saúde pela Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto EERP/USP. Especialista em Oncologia e Hematologia. Enfermeira Coordenadora do Departamento de TMO do Hospital de Câncer de Barretos.

REALIZAÇÃO

ORGANIZAÇÃO

PRATA

BRONZE

APOIO INSTITUCIONAL

TRANSPORTADORA OFICIAL